Liderança pode e deve ser desenvolvida

Ninguém é um líder nato. Tenha sempre em mente o seu negócio e planeje, organize, dirija, controle e coordene, pois são funções permanentes de gestão, mas sempre agarre a oportunidade que você tem de se desenvolver como um líder e gestor. Trabalhe arduamente e viva intensamente este papel.

Não esqueça… não delegue tudo, pois você é, e sempre será, o principal responsável da gestão de pessoas e por formar sua equipe.

Líder é quem arregimenta a energia de um grupo de pessoas por expressar a ideia, o sonho ou a vontade do grupo para gerar resultado do negócio. Assim um grupo se torna uma equipe. Dura apenas enquanto essa canalização de energia existir. E considere duas perspectivas: do negócio (a empresa, a estrutura e organização) e da equipe (líderes, componentes e equipe).

Dicas:

Ajude-os a entender o negócio

  1. Defina objetivos, explique o porquê de fazê-los e pergunte ao colaborador o que a atuação dele reflete no resultado do negócio. Todos devem ser capazes de explicar os resultados do negócio e qual a contribuição de cada um no quê fazer para seguir melhorando.
  2. Tenha em mente suas metas e desafios e identificando quem pode contribuir mais e melhor na sua implantação.
  3. Cada equipe deve ter claro o seu objetivo a ser alcançado. Permita a sua equipe participar em como realizá-lo.
  4. Apresente resultados, fale deles sempre, referencie-os para que o papel de cada um na realização do negócio fique cada dia mais claro.
  5. Crie ambiente otimista e projete cenários de oportunidades. Apresente e discuta com a equipe. Não minta.

Da equipe como líder

  1. Seja paciente e persistente, a jornada é longa.
  2. Trabalhe e deixe ser percebido pela sua equipe
  3. Vá onde as coisas acontecem. Circule no ambiente de trabalho e você vai se surpreender.
  4. Fomente a liderança natural dos componentes da equipe e forme profissionais.
  5. Lembre-se! o líder é combativo, empático, criativo e objetivo

Da equipe propriamente dita

  1. Aprenda com sua equipe, ouça mais.
  2. Saiba o que é produzido pelo colaborador, como e onde ele trabalha. Pergunte qual a diferença que ele faz para os resultados.
  3. Conheça seus colaboradores e estabeleça o respeito mutuo.
  4. Pergunte o que precisa ser resolvido, e como resolver, aceite e trabalhe o erro como aprendizado, não aceite que se repita um mesmo erro.

Dos integrantes da equipe

  1. Dê bons exemplos como referência aos desempenhos desejados e patrocine outros bons exemplos.
  2. Colecione boas histórias que você observou no seu time. É um bom indicador do seu desempenho como líder.
  3. Não acumule discórdias, investigue e aja de forma justa. Aproveite as discórdias para agir e alinhar objetivos e a atuação das  pessoas para um resultado comum.
  4. Dê e receba feedback. Elogie sempre e nunca critique em público.
  5. Promover quem é respeitado pela equipe é um sinal de escolha bem-feita.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *